Sobre

O Journal of Cardiac Arrhythmias abrange, em seu escopo, as áreas de arritmia, eletrofisiologia e estimulação cardíaca artificial, permitindo a publicação dos avanços no tratamento de doenças cardíacas, visando alcançar os eletrocardiografistas, eletrofisiologistas e cardiologistas. Tem como missão divulgar trabalhos originais e inéditos de relevância teórica e/ou prática resultantes de pesquisas técnicas e científicas no campo da arritmia, da eletrofisiologia e da estimulação cardíaca artificial e ser reconhecido como meio de comunicação e intercâmbio de conhecimentos internacionalmente. A publicação do Journal of Cardiac Arrhythmias ocorre trimestralmente com acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio da gratuidade e democratização do acesso público ao conhecimento científico.
O primeiro número foi publicado em 1988, sob o título de Revista Brasileira de Marcapasso e Arritmia. Em 1994, passou a ser denominada REBLAMPA – Revista Brasileira e Latino-Americana de Marcapasso e Arritmia, alterado em 2007 para RELAMPA – Revista Latino-Americana de Marcapasso e Arritmia. Recentemente, em 2018, passou a ser denominada Jornal Brasileiro de Arritmias Cardíacas e, atualmente, visando sua internacionalização, adotou o título Journal of Cardiac Arrhythmias. A JCA é publicada com periodicidade trimestral regular desde 1977.
Journal of Cardiac Arrhythmias adota o sistema de avaliação por pares duplo-cego, em que a identidade dos autores e avaliadores é preservada. Os manuscritos submetidos serão inicialmente verificados quanto à adequação ao escopo, à observância do atendimento às normas editoriais e à similaridade do conteúdo (plágio), utilizando o sistema iThenticate. Os manuscritos sem ou com baixa porcentagem de similaridade serão encaminhados para avaliação. Manuscritos com alto teor de similaridade serão devolvidos ao autor para correção ou rejeitados em definitivo. Os manuscritos aceitos para avaliação serão encaminhados para no mínimo dois pareceristas ad hoc que deverão avaliá-lo quanto ao conteúdo científico, encaminhando o resultado ao editor chefe ou editor associado que, baseado nesses, decidirá pela publicação, recusa ou solicitação de correções ao autor. Nos casos em que uma nova versão é solicitada, após recebimento, o editor chefe ou editor associado poderá decidir pela aceitação imediata ou encaminhamento para nova rodada de avaliação. Nos casos em que o autor não concorde com a decisão recebida, é permitida a apelação, argumentando suas razões por meio de e-mail ao editor-chefe que reconsiderará a decisão, podendo ratificá-la ou não. Os editores e avaliadores se valem do direito de declinar do aceite para avaliação em caso de artigos que não estejam contemplados no escopo da revista, não tenham questões de pesquisa clara e inédita ou método adequado para resposta à questão de pesquisa. O corpo de pareceristas da revista é composto por pesquisadores oriundos de diversas instituições de ensino e pesquisa do Brasil e exterior.
Para maximizar a disseminação e uso do material publicado, o Journal of Cardiac Arrhythmias adota a licença Creative Commons Atribuição CC BY. Assim os direitos autorais pertencerão aos autores, sendo permitido que outros distribuam, remixem, adaptem e criem a partir do seu trabalho, mesmo para fins comerciais, desde que atribuído o devido crédito. 
O Journal of Cardiac Arrhythmias utiliza o sistema LOCKSS para criar o sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite a essas criar arquivos permanentes da revista para preservação e restauração.

© Todos os Direitos Reservados 2019 - Departamento de Estimulação Cardíaca Artificial da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular